sexta-feira, 4 de julho de 2008

Perfeição



Não acredito em perfeição e nem gosto muito desse rótulo - perfeito.

Quando buscamos a perfeição ou o que é perfeito,
deixamos de valorizar as pequenas coisas,
os pequenos detalhes.

Deixamos de olhar o real e o que é possível,
deixamos de reconhecer o que está a nossa frente e de valorizar o que temos.

Se tudo fosse perfeito nada teria graça,
são as imperfeições que tornam as coisas especiais e inesquecíveis.

São as coisas mais imperfeitas que nos dão prazer,
as frases mais imperfeitas que ficam,
as atitudes mais imperfeitas que nos fazem crescer,
as pessoas com suas imperfeições que amamos e as situações mais imperfeitas são as que marcam para sempre.

AE. 2006

terça-feira, 1 de julho de 2008

Probabilidades



Tudo tão distante e próximo ao mesmo tempo.
Onde está você?
Aqui e ai você diz.

Impossível?
Acredito que não, pois não te vejo mas te sinto aqui.
Desafiando as leis da Física?


Isso é perigoso!
Mas já me disse que não teme, e corajosamente tenta todos os dias.
Tenta aquilo que tantos buscaram e bem poucos quase conseguiram.


Será você?
Talvez, não quero que acabe.
E "prometo que meu coração não quer e eu não desejo isso”.


Promessas!
Até onde são válidas?
Até onde sentimos que são possíveis e você tem feito com que tudo se torne possível.
Errando ou acertando.

Inocência?
Pode até ser, mas prefiro pecar por inocência, coisa de criança que vive intensamente, do que por pessimismo, coisa de adulto que muitas vezes perde o que a vida tem de melhor.

Continuemos a travessia, sem esquecer do início e cuidando sempre para que não haja fim.
Sempre assim, eu perfumando seus dias com minhas flores e você me aquecendo com sua presença.

AE. 01/07/2008 - RA